COPASA

0

Em reunião ocorrida na quarta-feira 7 a  Copasa – distrito regional de Januária e São Francisco – apresentou à comunidade são-franciscana, em primeiro plano, o Programa Socioambiental de Proteção e Recuperação de Mananciais – Pro Mananciais, e formação do Coletivo local de Meio Ambiente – Colmeia. Presentes o promotor de justiça do Meio Ambiente Célio Dimas, Cosmo Fernando Pinto Lima, secretário municipal de Meio Ambiente, João Naves de Melo, presidente do Codema e secretário do CBHSF9, Valmir Oliveira, representando a OAB, vereadores sargento Edmilson, Adão do Retiro, Jr. Marruaz e Luzia; Renê, representantes do IEF -, da Cooperativa dos Pequenos Produtores, Diovane; Marcos Moreira, técnico da Secretaria Municipal de Meio Ambiente, funcionários da Copasa Diogo e Tarcísio, lotados em Januária, Gerson Ivo, diretor da EE Sebastiana Pereira da Vila Santana de São Francisco

Maria Conceição, assessora da presidência da Copasa fez a exposição do programa valendo-se do recurso audio-visual, detalhando as etapas do programa que tem em sua concepção a cultura de sustentabilidade; ações de sensibilização, mobilização e educação ambiental; valorização dos saberes e crenças das comunidades; estímulo à mudança de hábitos e costumes; a ética do cuidado; a construção coletiva do sentimento de pertencimento à microbacia hidrográfica; e a responsabilidade compartilhada.

Integra o compromisso da empresa com a responsabilidade socioambiental e o desenvolvimento sustentável. Traz em seu nome, a ideia da prevenção, do antecipar ações no cuidado, na proteção e recuperação das águas desde a sua nascente até seu ponto de captação.

AÇÕES PREVISTAS

Promover treinamento/sensibilização de empregados envolvidos e integrantes das COLMEIAS; promover oficinas e capacitações em temas ambientais relacionados à preservação da bacia; fornecer kit manutenção de plantios; cercas APPs; plantar em áreas de recarga, matas ciliares e nascentes; adequar estradas; construir bacia para contenção de água de chuva; construir biodigestores ou alternativa para eliminação de dejetos de animais nas águias e promover atividades de Educação Ambiental nas Escolas – Chuá Socioambiental.

COLMEIAS

Coletivos Locais de Meio Ambiente (Colmeias), que são formados por representantes de vários órgãos e segmentos do município para identificar a microbacia a ser trabalhada e promover discussões para elaborar o diagnóstico, o planejamento e acompanhar as atividades do plano de ações.

Atribuições do COMEIA: participar das atividades relacionadas ao Programa Pro-Mananciais; elaborar o pré-diagnóstico da microbacia e aprovar o diagnóstico final com a comunidade; construir de maneira participativa e colaborativa, com a comunidade residente na bacia, o plano de ação e submetê-lo à aprovação do Comitê Ambiental da Copasa; definir responsabilidades entre os parceiros locais; hierarquizar as ações previstas e executar e acompanhar as ações previstas no Plano de Ação.

EMBRIÃO

O Programa tem em andamento o embrião na Vila Santana de São Francisco contando com o apoio da EE Sebastiana Pereira.

INTERVENÇÕES

Na oportunidade vários dos presentes fizeram abordagem a respeito do Programa e da atuação da Copasa no município focando, principalmente, a desativação do Distrito Regional de São Francisco e a falta de atuação da empresa no município em obras sociais e outras. Falaram o presidente do Codema, João Naves, secretário do Meio Ambiente, Cosmo, vereador sargento Edmilson e o advogado Valmir Oliveira.

Campartilhe.

Comentários desativados.