DATAS DE ABRIL

0

O mês de abril é muito especial quanto a datas cívicas e religiosa, como destaca o PortalVeredas.

DIA 19

Muito significativo o dia 19, quando comemora-se:

O DIA DO ÍNDIO – O primeiro habitante do nosso país, Pindorama. Grandes nações, Tupis e Tupinambas, ocupando a região Norte e Nordeste do país, que para fugir da fúria do branco colonizador, penetraram sertão adentro e ganharam as barrancas do São Francisco. Ramos dos Caiapós fundaram as aldeias de Tapiraçaba (Januária), Guaíba (São Romão), Xacriabás (São João das Missões). Índios Cariris deram origem a Pirapora, que até ganhou nome indígena – “o peixe salta”.

Apesar de quase serem dizimados pelo branco invasor – a força do progresso – os índios deixaram marcas na formação do povo brasileiro – etnia, toponímias (o estado de São Paulo é um exemplo com dezenas de cidades com nome de origem indígena e língua.

O DIA DO EXÉRCITO – A data é marcada pela primeira luta dos povos do Brasil contra a dominação holandesa, em 1648. Os indivíduos que treinam e lutam para defender os espaços e direitos de um país são os integrantes dessa corporação. As tropas do exército praticam fortes treinamentos, como preparo para operar em circunstâncias de guerra e de conflitos mais extremos. São responsáveis pela segurança da pátria junto às fronteiras, compartilhando tal responsabilidade com os serviços da aeronáutica. Além disso, o exército participa de campanhas sociais, leva alimentos e faz serviços de atendimento médico às localidades do país que são muito isoladas, onde a população não tem acesso aos mesmos.

O Exército Brasileiro tem Duque de Caxias como patrono. A mais autêntica homenagem que se pode prestar aos grandes vultos da Pátria é manter viva a lembrança de seus feitos, interpretar os acontecimentos de que participaram e recolher os dignos exemplos que nos legaram.
As magistrais lições que emanam de suas incomuns existências constituem a imortal seiva que robustece crenças, revigora forças para a travessia do presente e inspira a busca do futuro”
(Extraído do Novo Dicionário da Língua Portuguesa).

SANTO EXPEDITO – Santo das causas urgentes e até impossíveis. Conta-se que ele foi martirizado na Armênia, no século II, que era militar e foi decapitado no dia 19 de abril de 303.

Expedito levava uma vida devassa, mas um dia foi tocado pela graça de Deus, ao ver uma grande luz, e tudo mudou em sua vida. Foi então que lhe apareceu o espírito do mal, em forma de corvo, e lhe disse: “cras! cras! cras!, que significa: amanhã! amanhã! amanhã!, isto é: ‘deixe para amanhã! Não tenha pressa! Adie sua conversão!”.

Mas Santo Expedito, pisoteando o corvo, esmagou-o, gritando: “HODIE!”, que quer dizer: hoje! Nada de protelações! É para já!

É por isso que Santo Expedito é invocado nos casos que exigem soluções imediatas. No Brasil, sobretudo, ele é invocado para problemas relacionados aos negócios.

Em São Francisco Santo Expedito tem muitos devotos. Para reverenciá-lo construíram uma pequena capela na região da Vaqueta, que é visitada, todos anos, no seu dia, por devotos que saem, em caminhada de São Francisco.

DIA 21

Dia consagrado ao protomártir da liberdade, Tiradentes. Pena é que hodiernamente misturam a figura heroica de Tiradentes, que deu sua vida a uma causa em prol do Brasil, com a de políticos que, pelo contrário, como fazia a Coroa portuguesa, exploram do povo brasileiro.

Campartilhe.

Comentários desativados.