DEUSA DE ÉBANO

0

Bendito foi o dia em que teus ancestrais vieram da África para o Brasil. Tu és bela! A Afrodite negra. Tens o andar sensual de uma elegância ímpar, um mexe-mexe dos quadris incrível, que só as mulheres da tua raça têm. A pele negra e macia. Aveludada. Teu derrière grande, durinho, que herdaste dos anos e anos de caminhada pelas savanas africanas em busca de alimentos desde os primórdios da civilização, que se originou na mãe África.
Tuas pernas longas e torneadas têm muito das estátuas gregas. Teus seios são perfeitos como aqueles da Vênus de Millo, dois faróis a iluminar os caminhos, que, quisera, fossem os meus. Teu sorriso lembra o marulhar dos regatos das serras da minha terra. Teus lábios polpudos são um convite a ardentes beijos. Teus olhos são negros, sonhadores e sedutores. Tua voz é límpida, como só acontece com as pessoas de bem com a vida.
Teus dentes, brancos como marfim, lembram uma fieira de pérolas. Teu corpo em forma de violão é um convite constante ao pecado da luxúria. Tens o ritmo no sangue. Ninguém dança melhor que tu. Foste talhada para o amor e para as boas coisas da vida.
Imaginando-te tão bela, lasciva, indefesa, dormindo em tua rede, deslizo suavemente minha mão pelo teu rosto em suave carícia, pelos teus cabelos rastafari com aquelas incríveis trancinhas, mas não ouso despertar-te, prefiro contemplar tua beleza selvagem e pensar que sonhas comigo. Beijar tua boca, sugar teus lábios de mel como os da virgem Iracema. Tu és a mais bela das criaturas que povoam a terra!
Pigmalião, por não gostar das mulheres que via, esculpiu Galateia, uma mulher de uma beleza tão grande, trabalhada com tanta arte e que parecia tão viva que o escultor se apaixonou por sua obra! Tão apaixonado ficou que pediu a Afrodite lhe permitisse encontrar uma mulher igual àquela que esculpira. Ouvindo suas súplicas, Afrodite deu vida à estátua, e Pigmalião se casou com ela.
Também tu, Deusa de Ébano, tiveste tua beleza esculpida em milhões e milhões de anos de evolução na mãe África, fazendo com que eu me apaixonasse perdidamente por ti.
Deusa de Ébano, vem povoar meus sonhos!

jtbarbosa500@yahoo.com.br

Observação: Foto retirada da internet. Minha homenagem ao Dia Nacional da Consciência Negra, 20 de novembro.

Campartilhe.

Comentários desativados.