SEMANA DO MICROEMPREENDEDOR INDIVIDUAL

0

Na segunda-feira 20, no auditório da Secretaria Municipal de Educação ocorreu o encontro de microempreendedores individuais de São Francisco, resultado da parceria entre a Prefeitura Municipal e Sebrae/MG. Esse evento teve dois momentos de grande importância para os Microempreendedores Individuais – MEI’s – presentes, que comparecerem a ele para tirar dúvidas sobre o desenvolvimento de sua atividade. No primeiro momento uma equipe do Crediamigo (Banco do Nordeste) de São Francisco, composta por Paula Daniela e Nathany Araújo, assistentes administrativas; Laudinei Cardoso, Rubens Barros, Anderson Rodrigues, Eduardo Borges e Karla Paiva, agentes de crédito, discorreu sobre os benefícios de seu programa e quais os critérios que o MEI precisa para conseguir um empréstimo junto ao banco para alavancar sua atividade. Dessa forma, o banco abre as portas para o público, possibilitando o aumento dos empréstimos de acordo com a evolução do status no caso do Microempreendedor Individual (MEI), que depois pode alterar seu perfil para Empresa de Pequeno Porte (EPP) e Microempresa (ME).
O Crediamigo forma grupos de 4 a 10 pessoas para a realização de empréstimo com muitas facilidades, tais como a dispensa de comprovação de bens ou fiadores, apresentando apenas CPF, RG e comprovante de residência. Nesse caso, um se torna fiador do outro, “por isso a importância de se ter confiança nas pessoas ao formar um grupo, pois no caso de inadimplência os demais assumem a dívida do inadimplente”, disse Paula.
Para mais esclarecimentos, o escritório do Crediamigo fica localizado na agência do Banco do Nordeste, na Av. Brasiliano Braz, Centro, São Francisco.
O segundo momento foi desenvolvido por representantes do Sebrae/MG – Gilmar Chaves, analista técnico de marketing, e Aline Magalhães, analista técnica.
Gilmar tirou dúvidas dos MEI’s, expondo formas de abordagem ao cliente de modo interativo, chamando pessoas para demonstrar exemplos mais comuns. Falou sobre a importância de o empresário tratar bem seus clientes com atendimento baseado na excelência, com muita atenção e educação e, conhecer bem todos os pontos positivos de sua atividade para saber argumentar quando se tratar de sua divulgação. Disse que “é preciso estudar bem o que vai vender. Você tem que valorizar o que faz. Algumas vezes não deve esperar que seu cliente venha a você, mas vá a seu encontro, procure-o. Adéque-se à realidade do seu cliente.” Com relação às novas tecnologias, alertou sobre os cuidados com uma apresentação de qualidade do produto/trabalho com fotos em boa resolução e bem enquadradas para divulgação no caso das redes sociais e outros meios de publicação.
Por fim, Gilmar e Aline convidaram a agente de Desenvolvimento do Município, Clevane Tavares, e o atendente da Sala Mineira do Empreendedor de São Francisco, Genilson de Jesus, para se apresentarem. Eles tomarem a palavra para agradecer a todos os presentes, colocando-se à disposição para esclarecer qualquer dúvida dos microempreendedores de São Francisco.

Campartilhe.

Comentários desativados.