TITÃS A CAMINHO DA TORRE

0

VOLTAIRE LIMÃO

O Instigador se viu diante de um quadro provocante de sua afiada argúcia: o cruzamento de interesses do Fanfarrão e do Ursão. Percebeu que os dois se esbarravam na estreita trilha que levava à torre do castelo dominante das plagas que buscam conquistar – um com saudade do trono e outro querendo a coroa. As estratégias diferiam. Isso não abalou a dedução perspicaz do Instigador lembrando que o que importa são os fins. Pôs a planilha na tela e vislumbrou a evidência: Fanfarrão era mais politizado, dizem até que navegava nas tramas de Maquiavel, ele tinha no currículo o tempo da suserania, cercado de vassalos, daqueles de estender tapete. O Ursão tem um séquito reduzido, mas insinuante, bajuladores de chegada, uma pequena claque que aplaude como um estádio de futebol lotado. Ora, tanto o Fanfarrão, quanto o Ursão tem sua entourage.
Rememorou o Instigador que o Fanfarrão continuava sendo o homem das benesses, o que era factível pelas burras cheias que acumulou enquanto reinava, era possível fazer mimos aos desavisados, mãos estendidas à beira da trilha, de onde não se arredariam nunca. O Ursão enfrentava mais dificuldades na caminhada, mas avançava destemido como Dom Quixote brigando com as pás de moinhos, secundado pelo inseparável Sancho Pança, que aplaudia cada lance do intrépido cavaleiro que se arrancava dos fundões de reino vizinho para ganhar a torre. Mas não era tão romanesco assim. O Ursão é terrível. O Instigador vê, em suas manobras, toda a astúcia do cardeal Richelieu – astuto, manso como um gato angorá, esperto como uma raposa, não dá trégua ao taciturno e desconfiado rei Luís XIII, que ainda conseguiu isolar a rainha mãe do rei, ainda imberbe. No romance de Alexandre Dumas, o inferno do cardeal eram os Três Mosqueteiros, na vida real eles não aparecem como no caso do Ursão que urdiu manobras para limpar o seu caminho contando, com isso com a guarda silenciosa e ardilosa de Jack Peinier e Truane Moutache. Peinier, de se olhar perigo algum oferece, mas Instigador sabia, ele era treiteiro, recolhido, mas nada perde para Pedro Malasartes em suas tramoias.


Agora, aí estão os dois. Ainda não resolveram cruzar as armas. Não dizem porque sobem na trilha, mas se oferecem e ensarilham armas para o duro e indigesto combate. Quem vai chegar no topo e conquistar a Torre?
Enquanto isso, como cantava Jorge Veiga: “Enquanto a plebe rude na cidade dorme”, Fanfarrão e Ursão foram urdindo seus planos. Quando assustarem, já era. Vai acontecer igual o descuido da rainha Maria de Médici que lamentou do descuido que deu força ao cardeal: “ se eu não tivesse me esquecido de um ferrolho, o cardeal já estava despedido”…. e ela é que foi para o exílio.

Campartilhe.

Comentários desativados.